Descrição Geral do Projeto:

O Famílias com afetos é um projeto de acompanhamento multidisciplinar e holístico, que assenta numa lógica de capacitação das famílias acompanhadas, apoiando e fortalecendo crianças/jovens e suas respetivas famílias em todos os pilares das suas vidas através de uma intervenção de proximidade e em articulação com redes sociais de suporte no âmbito social, emocional educacional, familiar e comunitário.

Público-Alvo:

O grupo-alvo principal crianças/jovens, dos 6 aos 18 anos, e respetivas famílias residentes na Lousã. Pretende-se chegar a 8 turmas, sinalizadas pelo Agrupamento de Escolas das da Lousã (AEL) . Esperando-se assim chegar a 200 crianças/jovens e respetivas famílias através do AEL, CPCJ da Lousã ou outras entidades da Rede Social, que necessitem de intervenção interdisciplinar para a sua estabilização, vivência e integração plena em sociedade, assim como para a sua felicidade e criação de planos de vida alternativos. Entre os principais problemas deste grupo destacam-se o insucesso escolar ou indisciplina, comportamentos de risco/perigo, afastamento entre o sistema escolar, alunos, família e comunidade, insuficientes condições da família para recorrer a apoios para a estabilização e suporte das crianças e jovens sinalizados e a dificuldade dos professores/auxiliares em ultrapassar situações de indisciplina ou comportamentos desajustados, assim como na aproximação ao agregado familiar e alunos.

É ainda abrangida pelo projeto a comunidade escolar do AEL , entre os quais o pessoal docente, assistentes técnicos especializados e assistentes operacionais, assim como a comunidade geral, com o objetivo de fornecer uma intervenção em/com todos os ecossistemas da vida da criança/jovem (nomeadamente, a família, escola e comunidade), de forma a obter resultados mais eficazes e estáveis ao longo do tempo, permitindo a integração plena dos beneficiários e a sua saudável relação com as suas redes sociais.

Objetivo Geral:

Apoiar e capacitar crianças/jovens em situação de vulnerabilidade e/ou risco potencial ou efetivo, e respetivas famílias, através de uma intervenção holística e multidisciplinar, promovendo a sua autonomia, integração e estabilização socioemocional.

Objetivo Específicos:

  1. Diminuir comportamentos de indisciplina e bullying em pelo menos 30% das crianças/jovens acompanhados;
  2. Promover o desenvolvimento de estratégias de autoaceitação, compromisso e atenção plena, prevenindo o surgimento de quadros psicopatológicos, com redução de sintomas em 50% crianças/jovens;
  3. Capacitar 60% das famílias acompanhadas, mobilizando as suas forças para resolver problemas, aumentando a adaptabilidade e a coesão interna, diminuindo o risco de conflito/rotura;
  4. Promover a parentalidade positiva reduzindo riscos de negligência/violência parental em 40% das famílias;
  5. Dotar profissionais do AEL de competências para prevenção e redução de conflitos/indisciplina através de formação.

Financiadores:

Programa Cidadãos Ativ@s/Active Citizens Fund, no âmbito do Mecanismo Financeiro do Espaço Económico Europeu – EEA Grants, gerido em Portugal pela Fundação Calouste Gulbenkian e a Fundação Bissaya Barreto.

Parceiros:

– Agrupamento de Escolas da Lousã;
– Comissão de Proteção de Crianças e Jovens da Lousã;
– Câmara Municipal da Lousã.