Memórias de Ilustres Desconhecidos #5

Memórias de Ilustres Desconhecidos #5

“Antes havia aqui muitos lobos e então há uma lenda que os antigos contavam. Diziam que na altura das descamisadas um casal foi descamisar milho e levaram o filho pequeno com eles. A criança adormeceu, ficou junto às folhas e só quando chegaram a casa notaram a falta dele. Voltaram para trás e depois de procurarem no meio das folhas só encontraram os pés do menino dentro das botas: os lobos tinham-no comido!” (Sr. Fernando)

As descamisadas são tradições agrícolas em que se despem as maçarocas do milho e onde se criavam momentos de colaboração e confraternização entre quem participava. Apanhavam-se o milho e depois era levado para uma eira ou para uma zona ampla onde se juntavam pessoas vizinhas de todos os lugares, muitas das vezes à noite. Depois debulhava-se com malhos de madeira e ficavam a secar durante 2 ou 3 dias até colher. Normalmente o processo começava no mês de agosto e estendia-se até outubro. As colheitas terminavam pelo S. Martinho. Associada a esta época surgem lendas populares que marcam a história da população e que fazem parte da identidade do povo!